Criticado outrora por não fazer gols, Mbappé é mais goleador que Neymar

Jogador do Paris Saint-Germain e da seleção francesa, campeão na Copa do Mundo de 2018, Kylian Mbappé é atualmente um dos dois jovens atacantes mais badalados e valorizados do futebol –o outro é o norueguês Erling Haaland, do Borussia Dortmund.

Mbappé brilha no PSG com suas arrancadas, com seus dribles e, já há algum tempo, com seus gols –atualmente é mais goleador que Neymar, por quem o clube parisiense pagou ao Barcelona € 222 milhões em 2017, até hoje um recorde nas negociações futebolísticas.

O craque francês de 22 anos declarou, entretanto, que nem sempre teve uma faceta artilheira.

Ele revelou, em entrevista à Uefa, que foi alvo de muitos comentários negativos, quando mais jovem, por fazer poucos gols. E também por ser, na opinião dos que o viam jogar, exibicionista e firulento.

“Por muito tempo, nas categorias de base, fui criticado por não marcar gols o suficiente, por querer me exibir, dar show. No futebol atual, você precisa fazer gols. E para isso você tem que treinar, praticar isso nos treinamentos.”

Antes de chegar ao PSG, em 2018, Mbappé atuou pelo AS Bondy, dos 6 anos até os 14, e pelo Monaco, dos 14 até os 18 anos.

A a dedicação e o esforço dele nos treinos têm dado certo, rendido frutos, em termos de artilharia.

Na temporada 2020/21, o camisa 7 do atual campeão francês lidera com folga a tábua de goleadores da Ligue 1. Em 25 partidas, anotou 20 gols, média de 0,8 por partida.

Ele já foi o artilheiro da competição em 2019 e em 2020.

Mbappé comemora ao fazer gol pelo PSG diante do Lyon; atacante de 22 anos é o artilheiro do Francês, com 20 gols (Eric Gaillard – 21.mar.2021/Reuters)

Neymar, que com problemas de contusão só pôde participar de 12 jogos do Francês, tem até agora seis gols. A média (0,5) é bem inferior à do colega de equipe, com quem, ao menos até agora, tem um bom relacionamento.

Mesmo somando as outras competições que o PSG disputa ou disputou nesta temporada (Champions League, Copa da França e Supercopa da França), Mbappé leva boa vantagem para o brasileiro: 30 gols em 36 jogos (média de 0,83) contra 13 em 19 (0,68).

No número absoluto de gols pelo clube, Mbappé também se situa bem à frente de Neymar. São 125 do francês (em 166 jogos, média de 0,75) ante 86 do brasileiro (em 106 jogos, média de 0,81). Ambos chegaram ao PSG na metade de 2017.

No ritmo atual, já que Mbappé está acima da média histórica e tem mostrado recente fome de gols (12 nas dez partidas mais recentes do clube), é provável que em não muito tempo ultrapasse Neymar nesse quesito.

Vale registrar que, na comparação com o companheiro, o camisa 10 teve, e tem, a vantagem de ser o batedor oficial de pênaltis do PSG.

Leia também: Mbappé traça como meta ganhar tudo; conheça o jovem craque

Leia também: Pelé afirma que Mbappé pode chegar aos mil gols; é factível?

Em tempo 1: Mbappé (€ 180 milhões, ou R$ 1,23 bilhão), o mais jovem após Pelé ao fazer gol em uma final de Copa do Mundo, também já vale mais que Neymar (€ 125 milhões, ou R$ 851 milhões), segundo o Transfermarkt, site especializado na avaliação do valor de mercado dos jogadores.

Em tempo 2: O contrato de Mbappé com o PSG vai até o meio do ano que vem. Seu atual salário, por ano, é de US$ 20 milhões (R$ 115 milhões), de acordo com a revista Forbes. O PSG deverá oferecer pelo menos o dobro disso para convencer o artilheiro a permanecer em Paris. Real Madrid –time pelo qual o atleta torcia na adolescência– e Barcelona têm interesse em contratá-lo.