Gol de atacante francês custa R$ 34 milhões ao Manchester United

Por Luís Curro

Com a lesão do sueco Ibrahimovic, centroavante titular do Manchester United, o treinador José Mourinho tinha algumas opções para escalar no lugar dele comando do ataque: os jovens Rashford (19 anos) e Martial (21) e o experiente Rooney (31).

Dois deles acabaram indo a campo, como titulares, na partida contra o Burnley, pela 34ª rodada do Campeonato Inglês, neste domingo (23): Martial e Rooney.

A escalação do francês chegou a surpreender, já que o técnico português vinha dando preferência, entre os “garotos”, para o inglês (Rashford), que havia feito três dias antes o gol contra o belga Anderlecht, na prorrogação, que classificou o Man United para a fase semifinal da Liga Europa (segundo interclubes em importância no continente).

Além disso, Martial não era escalado no 11 inicial dos Diabos Vermelhos desde 1º de abril, contra o West Bromwich, pelo Inglês, quando atuou o tempo todo e não fez o que se esperava dele, gols – o jogo terminou 0 a 0.

Depois desse jogo, o Man United entrou em campo cinco vezes, e o francês começou na reserva em todas elas, ganhando poucos minutos de ação.

Exposto esse contexto, o jogo diante do Burnley mostrou que Mourinho fez, esportivamente, a opção correta.

Aos 21 minutos, Martial recebeu a bola na área e finalizou com precisão, fazendo Burnley 0 x 1 Man United. Ainda no 1º tempo, Rooney ampliou e decretou o placar final.

O resultado mantém a equipe na luta por uma vaga na próxima Liga dos Campeões da Europa.

Anthony Martial foi eleito por seguidores do Manchester United o melhor em campo na partida com o Burnley (Reprodução/Twitter Manchester United)

Financeiramente, entretanto, o gol de Martial causou prejuízo aos cofres da equipe. O tento foi o 25º do jogador com a camisa do Manchester United, que ele veste desde a metade de 2015.

E qual o problema nisso? Fazer gol é bom para o jogador e para o clube, certo?

Sim por um lado, não por outro.

O gol de número 25, de acordo com uma cláusula no contrato que o Man United fez com o Monaco ao adquirir Martial, significa um pagamento extra de € 10 milhões (R$ 34 milhões pelo câmbio atual) ao atual líder do Campeonato Francês e semifinalista da Champions League.

A quantia corresponde a 20% do que o Man United pagou para contar com Martial: € 50 milhões.

Com o desembolso total de € 60 milhões (R$ 205,5 milhões), cada gol de Martial custou até agora ao Man United € 2,4 milhões (R$ 8,2 milhões).

Isso só em valor de transferência mais esse aditivo, sem embutir no cálculo o salário do francês, pouco acima de R$ 1 milhão por mês.

Para um clube que é o campeão em receita no mundo da bola (£ 515,3 milhões, ou R$ 2,08 bilhões, de acordo com a firma de consultoria Deloitte, na temporada 2015-2016, com lucro operacional de £ 68,9 milhões, ou R$ 278 milhões), parece uma ninharia.

Só que a “conta Martial” pode subir ainda mais. Há outras cláusulas no contrato de compra e venda que podem fazer o Man United dar mais dinheiro ao Monaco.

  • A primeira, se o jogador atuar 25 vezes pela seleção se seu país. Algo bem provável, já que faltam apenas dez jogos e Martial tem estado no radar do treinador Didier Deschamps – disputou, por exemplo, a Eurocopa do ano passado. Seriam mais € 10 milhões.
  • A segunda, se Martial ganhar o prêmio Bola de Ouro. Também € 10 milhões. Mas essa conquista está hoje muito distante, já que o francês nem titular do Man United tem sido e seu futebol está nesta temporada pior do que nas duas anteriores.
  • A terceira, se o atacante for vendido pelo Man United por valor entre € 60 milhões e € 100 milhões – o Monaco receberá 50% do total.

Negócio é negócio. Para o Monaco, com certeza, quanto mais futebol Martial jogar, melhor.

O contrato do atleta com o Man United vai até a metade de 2019.

Em tempo: Na próxima janela de transferências, no meio deste ano, o Monaco já poderá planejar cláusulas para faturar em cima de outro jovem talento que certamente será vendido (e por uma elevada cifra): Mbappé, atacante de 18 anos que tem sido o grande nome teen deste ano – marcou 17 gols desde janeiro, 5 deles nos mata-matas da Champions League. O valor de mercado de Mbappé hoje, segundo o site especializado Transfermarkt? € 10 milhões, o valor do gol 25 de Martial pelo Manchester United.