Três brasileiros estão no top 10 das transferências recentes mais caras

Por Luís Curro

O primeiro deles disputou a Copa do Mundo de 2014, no Brasil, e esteve entre os titulares da seleção brasileira na fatídica derrota por 7 a 1 para a Alemanha.

O segundo vive uma ascensão meteórica em sua curta carreira e é uma das esperanças do futebol brasileiro para os próximos (muitos) anos – é titular, há poucos meses, da seleção brasileira.

O terceiro despontou como um candidato a craque, porém jamais se confirmou a promessa de que poderia ser um dos melhores do mundo.

São eles Oscar, Gabriel Jesus e Alexandre Pato, nessa ordem.

O que o trio tem hoje em comum? O fato de figurarem entre as dez mais caras transferências da chamada “janela de verão” europeia, a época que, em dezembro e janeiro, os clubes têm autorização para comprar, vender e emprestar jogadores.

O “Guardian” publicou uma lista com todas as transações do período, encerrado no dia 31 de janeiro, e o negócio de maior cifra envolveu Oscar, autor do solitário gol do Brasil no Mineirão diante dos alemães, na semifinal da segunda Copa em solo brasileiro.

De acordo com o jornal britânico, o Chelsea vendeu o encostado meio-campista por £ 52 milhões (R$ 203,3 milhões pelo câmbio atual) para o Shanghai SIPG, da China.

E Oscar pode afirmar que começou com o pé direito sua jornada no país mais populoso do planeta. No jogo contra o tailandês Sukhothai, pela Liga dos Campeões da Ásia, fez o primeiro gol da vitória por 3 a 0.

Oscar em seu desembarque em Xangai para defender o time chinês Shangai SIPG (Aly Song - 2.jan.2017/Reuters)
Oscar em seu desembarque em Xangai para defender o time chinês Shangai SIPG (Aly Song – 2.jan.2017/Reuters)

O atacante Gabriel Jesus, que já estava negociado havia alguns meses, aparece na relação do “Guardian” entre os que tiveram a transferência concluída no dia 19 de janeiro, pelo valor de £ 27 milhões (R$ 105,6 milhões). O ex-palmeirense, sucesso instantâneo no Manchester City, está no terceiro posto das mais dispendiosas negociações.

O “menino Jesus” começou como titular duas partidas do Campeonato Inglês e nelas marcou três gols. Já é xodó dos torcedores do City.

Entre Oscar e Gabriel Jesus aparece Julian Draxler, da seleção alemã, que defendia o mediano Wolfsburg em seu país e agora veste o uniforme do Paris Saint-Germain.

O endinheirado PSG, atual tetracampeão francês, desembolsou £ 34,1 milhões (R$ 133,3 milhões) pelo talentoso meia ofensivo. E ainda pagou £ 25,5 milhões (R$ 99,4 milhões) por Gonçalo Guedes, revelação portuguesa que pertencia ao Benfica.

A exemplo de Oscar, Alexandre Pato, que surgiu para o mundo da bola em 2006, no Internacional, e nunca se tornou craque, desfilará seu futebol de altos e baixos na China.

Na oitava transferência mais cara do período, o Villarreal se desfez dele por £ 15,4 milhões (R$ 60,2 milhões).  Os torcedores do Tianjin Quanjian, recém-promovido à divisão de elite, esperam de Pato a disposição e a efetividade que lhe faltam há alguns anos.

Desacredito. Pato já faz algum tempo é um jogador superestimado. Pelo Villarreal, em seis meses, atuou em 14 partidas (11 como titular) e balançou a rede duas únicas vezes.

A seguir, a lista das dez mais caras transferências concluídas em dezembro e janeiro, de acordo com o “Guardian”:

1 – Oscar (Brasil), 25 anos, meia – £ 52 milhões (do Chelsea-ING para o Shangai SIPG-CHN)

2 – Julian Draxler (Alemanha), 23 anos, meia-atacante – £ 34,1 milhões (do Wolfsburg-ALE para o PSG-FRA)

Gabriel Jesus comemora gol contra o Swansea, pelo Campeonato Inglês (Andrew Yates - 5.fev.2017/Reuters)
Gabriel Jesus, do Manchester City, comemora gol diante do Swansea, pelo Campeonato Inglês (Andrew Yates – 5.fev.2017/Reuters)

3 – Gabriel Jesus (Brasil), 19 anos, atacante – £ 27 milhões (do Palmeiras para o Manchester City-ING)

4 – Gonçalo Guedes (Portugal), 20 anos, atacante – £ 25,5 milhões (do Benfica-POR para o PSG-FRA)

5 – Dimitri Payet (França), 29 anos, meia – £ 25 milhões (do West Ham-ING para o Olympique de Marselha-FRA)

6 – Morgan Schneiderlin (França), 27 anos, volante – £ 20 milhões (do Manchester United-ING para o Everton-ING)

7 – Odion Ighalo (Nigéria), 27 anos, atacante – £ 17,1 milhões (do Watford-ING para o Changchun Yatai-CHN)

Alexandre Pato recebe a marcação de Busquets e partida do Villarreal contra o Barcelona (Jose Jordan - 8.jan.2017/AFP)
Alexandre Pato recebe a marcação de Busquets em partida do Villarreal contra o Barcelona (Jose Jordan – 8.jan.2017/AFP)

8- Alexandre Pato (Brasil), 27 anos, atacante – £ 15,4 milhões (do Villarreal-ESP para o Tianjin Quanjian-CHN)

9 – Wilfred Ndidi (Nigéria), 20 anos, volante – £ 15 milhões (do Genk-BEL para o Leicester-ING)

10 – Memphis Depay (Holanda), 22 anos, atacante – £ 14,8 milhões (do Manchester United-ING para o Lyon-FRA)

Em tempo: Mesmo tendo sido o negócio envolvendo Oscar um recorde no mercado asiático, ele ficou bem longe, precisamente a £ 48 milhões, do recorde mundial na transferência de um futebolista. Na metade do ano passado, o Manchester United desembolsou £ 100 milhões para contar com o volante francês Paul Pogba, que atuava pela italiana Juventus.