Torcida se revolta e atira latas no campo na final nos EUA

Por Luís Curro

Geralmente comportados, torcedores norte-americanos se descontrolaram na partida decisiva da MLS (Major League Soccer), o principal campeonato de futebol dos EUA, que conta também com alguns times do Canadá.

O Columbus Crew recebia neste domingo (6) o Portland Timbers em seu estádio em Ohio, sob os olhares de uma plateia de quase 22 mil, perto da lotação máxima da arena.

O Columbus já havia se sagrado campeão uma vez, em 2008. O Portland buscava um título inédito.

Ambos haviam surpreendido nas semifinais times que detinham o favoritismo por terem realizado campanhas superiores, o New York Red Bulls e o FC Dallas.

Logo aos 27 segundos de partida, o goleiro Clark deu uma tremenda bobeada. Na entrada da pequena área, demorou a chutar a bola que lhe fora recuada. O argentino Valeri arriscou um carrinho, dividiu com o americano e foi bem-sucedido: bola na rede, 1 a 0 Portland.

MLS_final_1
(Reprodução/Site da Major League Soccer)

A torcida do Columbus, principalmente a que estava atrás do gol de Clark, impacientou-se com a besteira. Porém se conteve, e a bronca limitou-se a gritos de insatisfação.

Pouco depois, aos 7 minutos, mais motivo para raiva e decepção.

O camaronês Tony Tchani, do Columbus, achou que a bola havia saído pela lateral e relaxou na jogada. Só que a arbitragem nada havia marcado.

O Portland ficou com a bola, lançou-se ao ataque e, após cruzamento da direita, Wallace cabeceou e venceu Clark: 2 a 0.

Na celebração, o costa-riquenho correu junto com os companheiros na direção da descontentíssima torcida rival.

Tiveram de abortar o momento festivo ao perceber objetos atirados na direção deles. Eram latas de cerveja, que por pouco não os atingiram.

Uma repórter de uma TV de Portland publicou em rede social o instante da “calorosa receptividade”.

(Reprodução/Twitter Emily Sinovic)
(Reprodução/Twitter Emily Sinovic)

“O que acaba de acontecer? Surreal. Fãs do Crew atirando garrafas nos jogadores do Timbers depois do segundo gol”, escreveu Emily Sinovic, confundindo as latas, que são de alumínio, com garrafas.

O locutor do estádio repreendeu de forma polida os fãs pela atitude – e recebeu vaias em troca.

A direção da MLS não se pronunciou de imediato a respeito de uma possível punição ao Columbus, derrotado por 2 a 1 na partida, pelo ocorrido.

(Reprodução/Site da Major League Soccer)
(Reprodução/Site da Major League Soccer)

Em tempo: Nenhum figurão participou da decisão da MLS. Alguns disputaram a liga, como Pirlo, Gerrard, David Villa, Kaká, Lampard e Drogba, porém suas equipes ficaram pelo caminho. Assim, os campeões são ilustres desconhecidos. Alguns aparecem na foto acima, entre eles o zagueiro Nat Borchers, com seu estilo lenhador.