Allegri perdeu a final europeia, mas foi o melhor treinador da temporada

Por Rafael Reis

Allegri

Massimiliano Allegri não conseguiu levar a Juventus ao título da Liga dos Campeões da Europa. Mas devolver o time italiano à decisão do torneio interclubes mais badalado do mundo após 12 anos foi suficiente para convencer os leitores a elegê-lo o melhor técnico da temporada 2014/15.

O feito do treinador italiano de 47 anos em seu primeiro ano à frente da “Vecchia Signora” não foi pequeno.

É verdade que Allegri herdou um time pronto, montado e testado à exaustão por Antonio Conte, agora na seleção.

Mas o técnico foi muito além do básico: manter a hegemonia da Juve no Campeonato Italiano.

O quarto scudetto conseguido do clube de Turim foi conquistado com uma folga quase entendiante (17 pontos de vantagem para a Roma, vice-campeã).

O título da Coppa Italia foi menos previsível, apenas o segundo da Juventus nos últimos dez anos.

E a campanha de sucesso na Liga dos Campeões foi a grande surpresa. Os italianos deixaram para trás Real Madrid, Bayern de Munique, Paris Saint-Germain e tantos ingleses com orçamentos muito superiores ao seu.

A Juventus e Allegri só não foram páreos para Messi, Neymar e Suárez. Mas a derrota por 3 a 1 para o Barcelona, na decisão de sábado (6) não estragou a festa juventina. Só a deixou menos completa.

Técnico da temporada – Votos

1º – Massimiliano Allegri (ITA, Juventus) – 60%
2º – Luis Enrique (ESP, Barcelona) – 26,7%
3º – Unai Emery (ESP, Valencia) – 10%
4º – José Mourinho (POR, Chelsea) – 3,3%
5º – Pep Guardiola (ESP, Bayern de Munique) – 0%

Por que votei em Massimiliano Allegri?

“Pra sair de cima do muro: Allegri. Luiz Enrique tem Messi, joga com Game Shark.” (Pedro Canfora)

“Sem dúvidas meu voto vai para Allegri. Ganhar todos esses títulos e chegar à final da UCL com a Juventus é um trabalho muito mais difícil que o restante.” (Eduardo Brito)

Os melhores da temporada 2014/15

Revelação: Harry Kane (ING, Tottenham)
Goleiro: David de Gea (ESP, Manchester United)
Reforço: Alexis Sánchez (CHI, Arsenal)
Técnico: Massimiliano Allegri (ITA, Juventus)